Publicidade publicidade | Portal Evangélico

Bancada evangélica quer “acabar” com o aborto

Publicado em 27 de Fevereiro de 2015 às 17:47 Fonte: UOL
Exibições: 1112 Comentários : 2

 O deputado João Campos (PSDB-GO), recém eleito presidente da Frente Parlamentar Evangélica, estabeleceu a primeira meta para os políticos evangélicos na nova legislatura. Campos pretende mobilizar o colegiado na luta pela aprovação do Projeto de Lei (PL 487/07), o Estatuto do Nascituro, que defende a dignidade humana desde a concepção.

“Se aprovar o Estatuto do Nascituro, acabou o debate sobre o aborto”, justificou Campos. Se a bancada conseguir aprovar o projeto que estabelece proteção legal ao bebê em gestação e a embriões congelados, os demais projetos que tentam legalizar a prática serão arquivados.

Apelidado pejorativamente de “bolsa estrupo”, o projeto também estabelece assistência financeira para a gestante que tenham sido vítimas de estupro e que decidam levar sua gravidez adiante, ao invés de abortar.

João Campos voltou a presidência da Frente Parlamentar Evangélica na última terça-feira (24), após ter sido derrotado pelo deputado Paulo Freire (PR-SP) em 2013 quando tentava se reeleger pelo quarto ano consecutivo.

Como presidente da Bancada Evangélica, Campos conseguiu fazer com que a presidente Dilma vetasse a distribuição do “Kit Gay” pelo Ministério da Educação nas escolas públicas de todo o país em 2011.

Para barrar o kit o deputado reuniu três frentes conservadoras da Câmara dos Deputados, Frentes Evangélica, Católica e da Família, para discutir medidas que seriam tomadas para forçar o governo a alterar o material do chamado kit gay elaborado por ONGs a pedido do ministério da Educação.

Se o governo insistisse em manter o kit, os parlamentares bloqueariam a votação na Câmara e apoiariam a convocação do ministro da Casa Civil para dar explicações sobre denuncias.

Os parlamentares também cogitavam a saída do Ministro da Educação; a criação de uma CPI para apurar as denuncias de irregularidades no MEC; a obstrução de todas votações do plenário e também a convocação do ministro Fernando Haddad, na comissão de Educação e Cultura, para explicar as cartilhas sobre homofobia.


Comentários

marcia de carvalho teixei - 11/03/2015 13:17:56

e isso ai tem que colocar ordem na casa por que uma vida e vida sesde o momento que entrou na barriga da mae nao importa o tempo vida e vida

Leni - 26/03/2015 11:54:20

DEUS sempre levanta homens para cuidar de seus propósitos na terra. DEUS abencoe e
de força e muita coragem para eles prosseguirem...

Você pode selecionar um ou mais smiley face para inserir em seu comentário

Todos os comentários nesta página estão sujeitas aos nossos Termos de Uso e não refletem necessariamente a opinião do Portal Fiel ou dos seus colaboradores. Ajude-nos a acompanhar os comentários que são ilegais, prejudicial, ameaçador, abusivo, vexatório, difamatório, vulgar, obsceno, odioso, ou racial, étnico ou censurável.

Óptica Cromos - Mês das Mães

Notícias

Notícias gospel
O mundo irá acabar em 2016? 11 de Fevereiro de 2016 às 22:14

Em 1847, um grupo de colonos americanos ficou isolado devido ao inverno, e enquanto o frio

CNBB volta a criticar aborto em caso de microcefalia 11 de Fevereiro de 2016 às 17:00

O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Sérgio

Ministério da Saúde confirma terceira morte pelo vírus da zika 11 de Fevereiro de 2016 às 10:21

O Ministério da Saúde confirmou a terceira morte pelo vírus da zika,

Marca rara de selo do rei bíblico Ezequias é encontrada em Jerusalém 04 de Dezembro de 2015 às 12:29

O artefato que representa a marca do selo do rei Ezequias que segundo a história aj

Atriz pornô diz ser evangélica em entrevista 30 de Outubro de 2015 às 17:24

Kamilla Werneck, atriz de filmes eroticos afimou durante entrevista que sua profissã

Copyright © Portal Fiel - Gospel | Teresina | Piauí - Todos os Direitos Reservados

 

As imagens utilizadas neste site são frutos de pesquisas na internet, e podem possuir direitos autorais. Caso seja o autor de alguma imagem e gostaria de ter seu nome incluído ou mesmo não permitir o uso da imagem entre em contato com o site.